top of page

InnVitro - Toxicologia com Certificação Internacional

Atualizado: 21 de dez. de 2022

Este ano de 2022 foi um ano de grande satisfação para a InnVitro: nossa filosofia primordial de usar conhecimento científico de alto nível em todos os nossos trabalhos foi reconhecida pelo mercado, e proporcionou projetos de Gestão e Suporte em Toxicologia desafiadores e de sucesso.

E, para fechar 2022 com chave de ouro, é com muito orgulho que agora podemos dizer que temos uma DABT na InnVitro. A nossa CEO Izabel Vianna Villela, PhD faz parte da turma 2022 de diplomados da American Board of Toxicology - ABT, sendo o(a) primeiro(a) e atualmente único(a) toxicologista diplomado(a) DABT no Brasil.


Não é fácil e não existe uma fórmula única para a formação de um Toxicologista. É um processo de aprendizado, aquisição e lapidação de conhecimento contínuo. O profissional pode fazer a graduação em Farmácia, Biologia, Biomedicina ou tantas outras áreas afins, pode passar pelas formações de Mestrado e Doutorado mas, com certeza, ainda assim precisa de muita experiência prática para se transformar em um bom Toxicologista.


As certificações para profissionais Toxicologistas são outorgadas por poucas entidades existentes nos Estados Unidos da América, Europa e Ásia. E uma das certificações mais reconhecidas, prestigiadas e difíceis é concedida pelo exame do American Board of Toxicology (ABT). O Conselho Americano de Toxicologia realiza anualmente uma prova aplicável somente a candidatos com experiência comprovada em toxicologia. O exame engloba 160 questões de toxicologia aplicada, toxicologia mecanística, condução de estudos em toxicologia e avaliação de risco, a serem respondidas em um período de quatro horas. É uma avaliação muito complexa e que exige conhecimentos de toxicologia clínica, não clínica, ambiental, de alimentos, de fármacos, drogas de abuso, etc. Os aprovados são diplomados pela ABT, podendo incluir em sua assinatura a abreviatura DABT, a qual certifica seu conhecimento na área de toxicologia e sua certificação pela ABT.


E Izabel Vianna Villela alcançou esta honra com “estrelinhas”, como em todos os projetos aos quais se propõe. Natural de Pelotas (RS), Izabel fez toda sua educação em escolas e universidades públicas. Completou a educação básica no Colégio Municipal Pelotense. Entrou para a primeira turma do curso de Bacharelado em Ciências Biológicas da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Iniciou sua atuação cientifica logo no início da graduação no Programa de Monitoramento de Mal Formações Congênitas e passou para a área de mutagênese ambiental com um intercâmbio na Espanha na área de Biotecnologia. Foi para Porto Alegre para fazer o Mestrado e Doutorado em Biologia Celular e Molecular no centro de Biotecnologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) permanecendo na área de Mutagênese.


Em paralelo com a formação acadêmica, Izabel Villela iniciou o trabalho prático em um laboratório de prestação de serviços (CRO) de ensaios pré-clínicos de genotoxicidade e citotoxicidade, atuando na implementação de novos ensaios e na Garantia da Qualidade com os princípios das Boas Práticas de Laboratório (BPL). Foi um período de grande aprendizado, com forte interação com indústrias farmacêutica, de agroquímicos, dispositivos médicos, cosméticos e petroquímicas. Após completar o Doutorado, seguiu trabalhando de forma ativa na CRO, impulsionou a implementação de novos ensaios com foco nos Métodos Alternativos à Experimentação Animal e expandiu sua atuação na área de qualidade atuando como Avaliadora BPL e ISO17025 na Rede Metrológica RS e ISO17025 na CGCRE/INMETRO. Sempre procurando aumentar seus conhecimentos e aceitando novos desafios, fez pós-doutorado no laboratório de Toxicologia Molecular na Universidade de Surrey, Inglaterra. Ao retornar, coordenou de forma pioneira o projeto de implementação de métodos alternativos ao uso de animais financiado pelo edital que deu origem à RENAMA (Rede Brasileira de Métodos Alternativos).


A experiência adquirida de Izabel Vianna Villela foi então direcionada para a fundação da InnVitro Pesquisa & Desenvolvimento S/S Ltda, empresa de Gestão e Suporte em Toxicologia que reuniu profissionais parceiros de CRO e principalmente, quatro amigos de longa data. Um novo desafio, uma nova forma de interação com a indústria e uma nova forma de pensar a toxicologia. Já são mais de oito anos dando suporte à indústria para atender as demandas de toxicologia regulatória.

Nesse período, Izabel Villela segue com sua atuação junto à RENAMA, faz parte do Conselho Diretor do Centro de Biotecnologia da UFRGS e é Diretora Executiva da REDE SulBiotec. Foram muitos cursos, treinamentos e horas de estudos para construir a bagagem de conhecimento que possibilitou a aprovação em uma prova tão seletiva.


Nossa DABT Izabel Villela, PhD demonstrou desde cedo sua força de trabalho, competência e vontade de adquirir conhecimento científico sólido. Profissional extremamente realizadora, impulsiona qualquer projeto ao qual se dedica com entusiasmo e determinação. E com tudo isso, tem tempo para ser esposa e mãe de uma menina e um menino, e uma amiga querida de muitos. Agregadora, faz questão absoluta de conviver o máximo possível com todos. Tem sempre um sorriso, uma atenção especial, uma palavra amiga e um abraço bem apertado!


Esta certificação chancela a expertise da InnVitro na área de Toxicologia e agora nossos relatórios ganham ainda mais peso e reconhecimento Nacional e Internacional.

Feliz da InnVitro que tem a DABT Izabel Villela, PhD em seu time!


Agradecemos a sua audiência! Até Breve!


Miriam Benicio da Fonseca, MsC - COO

118 visualizações
bottom of page